Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - quinta-feira, 1 de dezembro de 2022

Costuraram a boca, e colocaram cadeado em bode, no Norte de Minas. E o assunto virou notícia em BH:

Terça 04/10/22 - 15h28

Jornal O Tempo, de BH:



Bode é encontrado com boca costurada e com cadeado em Porteirinha, Minas Gerais
Natália Oliveira

A moradora da residência disse que tinha sido para resolver questões pessoais e quando voltou encontrou o bode na casa dela

Um bode foi encontrado com a boca costurada com nylon e com um cadeado em Porteirinha, no Norte de Minas Gerais, nesta segunda-feira (3). Uma foto do bode foi publicada pela Organização Não-Governamental (ONG) Proteção Animal de Porteirinha.

De acordo com a Polícia Militar, moradores da cidade encontraram o animal no quintal de uma residência amarrado e com a boca costurada. A moradora da residência disse que saiu para resolver questões pessoais e quando voltou encontrou o bode na casa dela.

Ela disse ainda que, a princípio, acreditou que o animal estava comendo algo, mas depois percebeu que sua boca estava costurada. Com a ajuda de vizinhos, eles cortaram a linha da costura e retiraram o cadeado.

O bode foi deixado aos cuidados da ONG e passa bem. A Polícia Militar foi acionada para o local e aprendeu a linha e o cadeado. O caso foi repassado à Polícia Civil para investigações.



***

Jornal Estado de Minas, de BH:

Bode é encontrado com a boca costurada por fio de nylon em Minas

Animal foi visto por moradores do povoado de Salobro, em Porteirinha, no Norte de Minas. Além da costura, o bode teve a boca ´trancada´ com cadeado

Isabela Bernardes

Um bode foi encontrado com a boca costurada no povoado de Salobro, em Porteirinha, Região Norte de Minas, nessa segunda-feira (3/10). Acionada por populares, a Polícia Militar encaminhou a ocorrência para ser investigada.

Segundo o boletim, uma denúncia anônima foi registrada via 190, informando que um bode estava com a boca costurada por um fio de nylon preso a um cadeado.

A PM entrou em contato com uma ONG de animais de Porteirinha, que também recebeu a denúncia anônima do caso. De acordo com o boletim de ocorrência, uma moradora saiu de casa e se deparou com o bode no quintal. Ela chamou vizinhos para ajudar a libertar o animal.

Os moradores perceberam que o cadeado estava trancado junto à linha de nylon, e não à boca do bode. A situação foi encaminhada a um grupo de mensagens, e um dos participantes se disponibilizou cuidar do bicho até que fosse definido um novo lar.

A PM foi acionada, visitou a casa do homem que está cuidando do animal e colheu relatos dos moradores, que afirmaram ter visto o bode desde sexta-feira (30/9). Contudo, ninguém sabe quem pode ser o autor do crime.

Segundo a ONG de Proteção Animal de Porteirinha, o bichinho foi acolhido por moradores e recebeu o nome Diamante.

A Polícia Civil de Minas Gerais informou que que a ocorrência de maus-tratos foi registrada e um procedimento investigativo foi instaurado para apurar as circunstâncias e a autoria do crime.

"Até o momento, o proprietário do animal não foi localizado e ele ficou sob custódia de um voluntário para os devidos cuidados. A investigação está em andamento", conclui a PCMG.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais