Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 25 - quinta-feira, 18 de julho de 2024

Presidente argentino, na primeira viagem ao Brasil, afirma que Bolsonaro sofre perseguição e que há ameaças à liberdade de expressão

Segunda 08/07/24 - 7h11

Durante a Conferência de Ação Política Conservadora (CPAC), realizada neste domingo (7) em Balneário Camboriú, SC, o presidente argentino Javier Milei afirmou que o ex-presidente Bolsonaro é alvo de "perseguição policial" no Brasil.

Milei comparou a situação de Bolsonaro a eventos na Venezuela e Bolívia e criticou governos socialistas que, segundo ele, violam a liberdade e brincam com a vida das pessoas.

O presidente argentino destacou a importância de defender a liberdade de expressão, que considera valor fundamental da democracia, ameaçado em várias partes do mundo sob pretextos de proteger sensibilidades ou direitos de minorias.

Citou exemplos em Cuba, Nicarágua e Venezuela para criticar "ditaduras sanguinárias" e alertou a sociedade para se opor a esses regimes.

No palco com Milei estavam Bolsonaro, o governador de Santa Catarina Jorginho Melo, o senador Jorge Seif e o deputado Eduardo Bolsonaro, organizador do evento.

Esta é a primeira visita de Milei ao Brasil desde que assumiu a presidência da Argentina.

Na noite de sábado, Milei assistiu ao jogo do Brasil contra o Uruguai na Copa América, junto com Bolsonaro, no hotel onde ficaram hospedados.

A partida terminou em empate e o Brasil foi eliminado nos pênaltis.

***

✅ Clique para seguir o canal da 98FM/montesclaros.com no WhatsApp👇🏻
Acesse aqui

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais